Economia argentina cai pela primeira vez em 14 meses

Em abril, PIB sofreu contração de 0,9% em relação ao ano anterior e de 2,7% em relação a março, por causa da seca no campo. Dívida externa aumentou

Mauricio Macri em maio, durante visita a uma fábrica de autopeças na província de Córdoba
 

Leia mais aqui.

Boa leitura!

Comentários