LOGÍSTICA | Valor Setorial: Soluções Inovadoras para ganhar eficiência

Carta ao Leitor

Congestionamentos, restrições de horários de entregas, carência de vagas de estacionamento para carga e descarga e falta de segurança são algumas das dificuldades enfrentadas por operadores logísticos e transportadoras nos grandes centros urbanos. Esses entraves chegam a encarecer os fretes em até 30%. Para driblar esses custos, o setor utiliza cada vez mais tecnologia para roteirização de trajetos com menos tráfego, o compartilhamento de cargas, aplicativos para distribuição dos produtos e outros recursos, além de informações transmitidas em tempo real aos motoristas.



A crise econômica também exige investimentos em modernização por parte das empresas para obter um controle rígido de custos, com sistemas avançados de gestão, máquinas e equipamentos mais inteligentes. Os operadores logísticos brasileiros, no entanto, ainda não estão em fase intensiva de automação e robótica como acontece na Europa e nos Estados Unidos, onde os custos de mão-de-obra e de terreno são mais altos do que no Brasil. Mas a transformação digital é crescente, principalmente, diante do avanço do comércio eletrônico.

Fonte: Valor Setorial. Logística. Out / 2017.

Comentários