Garagem Vip | A pintura é poesia sem palavras

Auto Entusiastas

Por Nora Gonzalez




Em 1909, o fundador da Ford, Henry Ford, disse que qualquer cliente poderia pedir o carro Modelo T na cor que bem entendesse, desde que fosse preto. Pessoalmente não concordo com a monocromia — não que não goste de carro preto, gosto, mas sou contra a imposição de uma única opção, pois como disse Voltaire, a pintura é poesia sem palavras. Sei que ele não falava de carros de passeio, mas me permiti um paralelo, já que muitos anos se passaram e atualmente a Ford, assim como os demais fabricantes, oferece uma gama enorme de cores de veículos em todo o mundo.

Woman driv huffingtonpost.com

Leia mais, aqui.

Boa leitura!

Comentários